Publicado por: Big_DJouse | março 4, 2008

Sobre Rambo IV

Ah, os corpos! Desmanchando-se em uma névoa de sangue e carne, eles bailam em uma dança fúnebre, ritmada pelo som cadenciado dos disparos da metralhadora anti aérea. As balas perfuram, amputam, dilaceram e os soldados inimigos fogem, o terror estampado em suas faces e incrustado nos seus corações. Mas é inútil. As balas, implacáveis, continuam a retalhar, a ferir, a matar. E o maestro deste funesto espetáculo continua a disparar, até ter certeza de que não sobrará ninguém.

Ah, ver os corpos caindo, destroçados, vencidos… é um êxtase que só um filme com o sadio espírito da década de 80 pode nos presentear. Rambo IV não tem roteiro? Não tem personagens desenvolvidos? É mentiroso? Que importa? Ver John Rambo arrancar a garganta de um soldado com a mão ou matar piratas birmaneses por reflexo paga o ingresso. Se Sylvester Stallone quiser fazer a parte V ou VI, vou estar lá no cinema para assistir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: